15 outubro 2015
15 outubro 2015, Comentários 0

Repetindo o êxito desde o ano de 1997, o Encontro Fraterno de 2015, de 15 a 18 de outubro, segue a sua trajetória de sucesso. Expressando, pelo exemplo, a sua fraternidade, Divaldo Franco recebeu cada participante, pela manhã e pela tarde, que chegava ao Hotel Iberostar Praia do Forte/BA, local onde se realiza esse magnífico encontro de almas fraternas, sob o tema: O ser humano em busca de Deus.

Iniciando a programação, no período noturno, Divaldo Franco, mais uma vez, como anfitrião inigualável, recepcionou pessoalmente os integrantes do encontro. Para enlevo de todos, o violoncelo Diego Carneiro Oliveira e o barítono Maurício Virgens apresentaram excelente repertório musical erudito. Ambos brasileiros, atualmente residem em Londres/Inglaterra.

Homenageando três lídimos e dedicados servidores do Cristo foram inaugurados os bustos de Nilson de Souza Pereira, Divaldo Pereira Franco e Joanna de Ângelis. Os dois primeiros souberam concretizar a inspiração sublime, trabalhando em prol da caridade, do amor e da divulgação da Doutrina Espírita, semeando bondade, compaixão e profundo respeito ao próximo. A mentora Joanna de Ângelis, Espírito de escol, por sua vez, demonstrando rara inteligência aliada a um grande sentimento de amor, tem contribuído sobremaneira para a libertação do ser humano das sombras onde ainda se encontra mergulhado.

Aplaudidíssimo, Divaldo Franco procedeu a abertura do Encontro, agradeceu a presença e a participação de cada um, destacando a frase de Dostoievski, romancistas da literatura russa: a beleza salvará o mundo, para ilustrar que a criatura humana deve primar pelo transcendente, em oposição ao materialismo e a perda do contato com Deus. Comentando um vídeo promocional e motivador, Divaldo frisou que todos podem fazer melhor, que podem voltar atrás e recomeçar a marcha, preocupar-se mais com o próximo. Educador de fibra, Divaldo propôs para reflexões, cujas respostas serão debatidas no final do encontro, a seguinte indagação: Se hoje você tivesse um encontro pessoal com Deus, o que pedirias?

O Estudo do Evangelho se desenrolou sob o tema a desgraça real, que após a leitura foi comentado por quatro participantes previamente escolhidos. Seus comentários propiciaram uma maior compreensão do assunto, destacando as possibilidades de se refazer, ou proceder de modo diferente visando alcançar a plenitude, a felicidade, valorizando o sublime, o transcendente, voltando-se para Deus, sentindo que Deus está presente no homem e o homem em Deus.

Divaldo Franco, finalizando o belo momento evangélico, descreveu de forma breve a vida espiritual do Benfeitor Adolfo Bezerra de Menezes, destacando o processo da sua desencarnação, o seu despertar além-túmulo, as opções que lhe foram sugeridas por Maria, Mãe de Jesus, por ocasião do cinquentenário de sua volta ao mundo espiritual, em 1950, bem como no centenário no ano 2000, optando, o Dr. Bezerra, por permanecer vinculado ao Planeta Terra, amando os seus habitantes e aqui permanecendo enquanto o sofrimento ainda grassar no seio da humanidade terrestre.

O Encontro Fraterno, com o tema: O ser humano em busca de Deus, nas palavras de Divaldo, tem por objetivo facultar aos que ainda não encontraram Deus que o possam fazê-lo; aos que O perderam, que possam reencontrá-Lo; e aos que já O encontraram possam solidificar ainda mais a sua convicção. Que cada um possa encontrar a plenitude, que esses dias sejam de reflexões e de muita paz, desejou o ínclito semeador da paz, do amor e da bondade.

Texto: Paulo Salerno
Fotos: Jorge Moehlecke

Comments are closed.